Como diz a frase: Boas meninas escrevem diário, meninas malvadas não tem tempo pra isso... Meu blog é meu DIÁRIO rsrsrs... Posto aqui tudo que desperta meu interesse de forma positiva ... ou nao ...

quinta-feira, 26 de agosto de 2010

Costelinha com canjiquinha

 
 

Enviado para você por Samara através do Google Reader:

 
 

via Cozinha para relaxar de Kris Nardini em 24/08/10


Lendo o nome da receita de hoje fico pensando que diminutivo deve ser, mesmo, coisa de mineiro.
Eu tenho mania de dimunitivo, já perceberam? É receitinha, comidinha, alho picadinho... Tudo inho ou inha...

Mas é tão bunitin falar assim, né?hehehehe

A costelinha com canjiquinha é um prato típico mineiro mas não é comum na minha região, o Triângulo Mineiro.
Fui conhecer essa delícia em Poços de Caldas. Minha irmã Karla foi quem me apresentou e eu fiquei apaixonada.

Na semana passada a temperatura caiu bem e o friozinho (olha o inho, aí...) é propício para comer esse prato.
Liguei pra Karla, peguei a receita e fiz.
Ficou DELICIOSA!!!!!!!!!

Para servir canjiquinha para umas 10 pessoas você vai precisar de :

1 k e meio de costelinha de porco cortada de osso em osso
5 colheres, das de sopa, de óleo
1 colher, das de sobremesa, bem cheia de tempero caseiro
3 cebolas médias, bem picadas
1 colher, das de sopa, de pasta de alho
100 g de bacon em cubos
1 cababresa, em fatias
300 g de canjiquinha
cheiro verde a gosto
pimenta ardida a gosto
água fervente suficiente
couve picada finamente

Lave bem a canjiquinha e deixe de molho em água fria por 1 hora.
Enquanto isso, prepare todos os outros ingredientes.
Aqueça uma panela de fundo grosso e coloque o óleo, a costelinha e o tempero. Frite bem, até as costelinhas ficarem bem douradas. Pingue água fervente, se necessário.
Quando a costelinha estiver bem douradinha, escorra o excesso de óleo, acrescente as cebolas e a pasta de alho e cozinhe até a cebola desmanchar. Coloque água fervente até cobrir as costelinhas e cozinhe até a carne ficar macia.
Escorra a canjiquinha.
Em outra panela, coloque o bacon e ligue o fogo. Frite o bacon até ele começar a ficar dourado e acrescente a calabresa. Espere dourar e coloque 1 colher pequena de pasta de alho. Após 1 minuto acrescente a canjiquinha, já escorrida, e refogue bem.
Cubra com água fervente e cozinhe até a canjiquinha ficar cozida, sempre pingando água. A canjiquinha absorve muita água, tome cuidado para não queimar ou grudar. A canjiquinha demora uns 40 minutos para ficar cozida.
Assim que a canjiquinha estiver pronta transfira para a panela da costelinha e misture bem. Acrescente um pouco mais de água, se necessário, acerte o sal, tempere com pimenta e deixe ferver por 20 minutos.

Para servir:

Você pode deixar o caldo secar bem e servir a canjiquinha como acompanhamento no seu almoço. Basta servir com couve crua e arroz.

Você pode servir a costelinha separada da canjiquinha, também acompanhando couve e arroz.

Ou você pode servir o caldo de canjiquinha, como eu fiz na foto. Coloque uma boa porção de couve crua no fundo do prato, cubra com a canjiquinha e decore com bastante cheiro verde.

Nas 3 opções, sirva um copo bem cheio de Dimeticona com 2 pedras de gelo, tá? hahahahahahaha
Garanto que você vai precisar!

Essa receita me deu a maior saudade da minha irmã e da família dela, que eu não vejo faz alguns meses... Por isso decidi que preciso ir pra Poços de Caldas urgentemente...
Karla, me aguarde porque eu tô chegando, viu?
E obrigada por dividir sua receitinha com a gente!

 
 

Coisas que você pode fazer a partir daqui:

 
 

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Manual do Cafajeste

Manual do Cafajeste (só para mulheres)

contador

Minha lista de blogs

gentileza

Gentileza Gera Gentileza

Estilo de casa

http://estilodecasa.blogspot.com/

Umbigo no fogao

CQC



Seguidores

Quem sou eu

Minha foto
Sou alguem muito grata pela vida, pela boa saude e pela boa sorte que possuo...

Video BOMMMMbril